Análise ASUS ROG Maximus VIII Extreme – Z170 levado ao extremo

Lucas Peperaio
26/08/2016
Review

UEFI Bios

A UEFI BIOS da ASUS Maximus VIII Extreme é bem parecida com a que vimos anteriormente na Maximus VIII Ranger, com a diferença de algumas características exclusivas dessa placa, logo, usuários que já usaram placas ASUS anteriores já estarão familiarizados. Por padrão, a UEFI inicia no modo EZ, que mostra as informações e ajustes básicos, como XMP, ajuste de fans com o Q-Fan, EZ Tuning para overclock automático ou RAID e prioridade de boot.

160823103508

Alternando para o modo avançado com o F7, temos acesso as mesmas funções organizadas em menus e submenus. O My Favorites possibilita a adição das funções mais usadas, o Extreme Tweaker é bem sugestivo e reúne todas as configurações avançadas para overclock. Nele é possível escolher perfis pré-definidos, ativar o XMP, modificar parâmetros do processador, memórias, ajustes do VRM e etc.

160823103659 copy

No menu Advanced é possível ajustar várias características da placa-mãe, como desabilitar certas funções, controlar os estados C, hyper threading, configurações dos periféricos onboard e etc.

160823103802 copy

No menu monitor é possível monitorar os diversos sensores presentes na placa-mãe, processador e outros componentes, além de realizar ajustes de fan. No menu boot temos acesso as configurações de boot do sistema, como o Fast Boot, ordem de boot entre outros detalhes.

160823103841 copy

O menu Tool trás algumas ferramentas úteis para recuperação do sistema, como o ASUS EZFlash 3 para regravação da BIOS e o BIOS Flashback para a recuperação em caso de falhas graves. Também é possível criar e carregar perfis de configurações e ver informações sobre as memórias e placas de vídeo instaladas.

160823103928 copy

Por fim, o menu Exit permite salvar e recarregar as opções de fábrica.